O ano de 2010, foi um ano de coisas boas para Cootravale, uma delas foi a nossa mudança para sede própria, e esse também foi o ano que a “Gi” iniciou com a gente. Trabalhando no setor fiscal desde então, ela presenciou muitas mudanças que tivemos na última década, sempre trabalhando com comprometimento, hoje ela é a oitava pessoa a participar da nossa série: “Faces Que Fazem Parte dos 25 Anos”. Confira a entrevista que fizemos com ela:

Giselle, em fevereiro deste ano completou dez anos que você faz parte do nosso time, conta pra gente, o que a Cootravale representa para você?

A Cootravale representa minhas conquistas, pessoais e profissionais.

Durante esse tempo de casa o que mudou na sua vida? Fale um pouco da sua trajetória até aqui.

Sai de Cuiabá -MT para Itajaí- SC em 2009, a Cootravale foi a primeira empresa que me deu oportunidade para que eu pudesse recomeçar, então foi na Cootravale que me casei, me formei, me tornei mãe pela segunda vez, adquiri meus bens, foi essa empresa que também deu oportunidade a meu esposo após um ano que já éramos casado, passamos tantos desafios, tantas mudanças, tantos aprendizados, todo dia um novo desfio e assim seguimos, dando o melhor de mim.

Tem algo que te marcou em todo esse tempo de Cootravale?

Tem várias coisas que ficam marcadas, mas a saída da Dona Eliane, foi um momento bem difícil pra mim em particular, pois foi a pessoa que me ensinou tudo que sei hoje, então foi o fim de um ciclo bem doloroso pois não considerava ela como chefe mas sim como uma grande amiga.

Outra coisa que sempre vou lembrar são as confraternizações de fim de ano, são sempre marcantes, pois são momentos em que eu reflito sobre mais um ano vencido e naquele dia me sinto vitoriosa e orgulhosa em fazer parte desse time.

Para você, qual a melhor parte, em fazer parte dessa história?

É ver que essa empresa passou por tantos desafios e continua vitoriosa no mercado e saber que faço parte desta história a 10 anos, me sinto orgulhosa em atuar em um setor onde tenho verdadeiras amizades.